skip to Main Content
Imbaú Inaugura Base Do SAMU Regional

Imbaú inaugura base do SAMU Regional

Um dos primeiros municípios a contar com Serviço Móvel de Urgência nos Campos Gerais, Imbaú inaugurou na tarde desta quarta-feira a base do SAMU Regional, onde colaboradores e a ambulância ficam alocados. Anexo ao Centro de Saúde Elias Abraão, a base contou com investimento de mais de R$ 300 mil. “Estou orgulhoso de entregar a população uma estrutura boa, para um serviço que já vem salvando vidas”, disse o prefeito Lauir de Oliveira, elencando ainda outras melhorias na área da saúde feitas durante sua gestão.

O SAMU Regional teve início em Imbaú no mês de abril, e, de lá para cá, já enumerou 460 atendimentos. “Fomos o primeiro município da 21ª Regional de Saúde a implantar o serviço, e este foi um momento muito esperado já que é uma reivindicação de mais de dez anos dos gestores da região”, exultou a secretária municipal de saúde, Zinda Prestes. Para ela, um dos pontos fortes do serviço é o atendimento qualificado e imediato das equipes.

Coordenador do Consórcio Intermunicipal SAMU Campos Gerais, Jaime Menegoto destacou ainda o “tempo resposta” do SAMU. “Com o SAMU Regional estamos encurtando distâncias”, explica, lembrando que quanto mais municípios aderirem melhor será a prestação de serviço em toda a região. “Temos que destacar ainda que a conquista do SAMU Regional foi dos prefeitos dos Campos Gerais, que lutaram para a criação do Consórcio e efetividade dos serviços”, avalia. “É um legado”, dispara.

Para o chefe da 21ª Regional de Saúde, Cleverton Soares, com os demais municípios aderindo, o serviço irá salvar ainda mais vidas. “Hoje estamos com o SAMU Regional em Imbaú e Telêmaco Borba que foram os pioneiros por aqui. Temos que cobrar dos demais para oportunizar o serviço a toda a população”, disse.

Em Telêmaco Borba, o SAMU Regional teve início no mês de junho. “Aqui podemos falar que há o serviço de saúde antes e o depois da chegada do SAMU, tamanha a diferença vista”, conta o secretário municipal de Saúde, Ede Pukanski. O secretário fez menção ainda ao sistema de saúde da cidade vizinha Imbaú, que antes recorria a Telêmaco Borba para alguns dos serviços. “Hoje é Telêmaco Borba que recorre a Imbaú”, relata.

Pukanski destacou ainda a implantação do SAMU Regional no momento da pandemia do Coronavírus. “Foi importantíssimo contar com esse auxílio durante essa crise. Além disso, devemos parabenizar os gestores que investiram no serviço de urgência mesmo com a queda de arrecadação das Prefeituras”, finaliza.

Back To Top